Will.i.am não é o primeiro cantor a ver seu trabalho vazar na internet

E! News | Faz 5 anos

 




Relembre outros 5 casos parecidos






Depois que algumas de suas novas músicas vazaram na internet, Will.i.am foi obrigado a adiar a data prevista para o lançamento de seu novo álbum solo, intitulado #willpower.

Os demos foram furtados do carro do cantor no mês passado e ainda não estavam finalizados, e o lançamento foi postergado para que ele pudesse escrever novas faixas, já que não quer que os fãs escutem as versões anteriores.

"Estou tentando finalizar #willpower... & agora por causa de todos os vazamentos tive que atrasar o álbum para fazer novas músicas... Darei as atualizações em breve", escreveu ele no Twitter nesta semana.

O novo álbum do integrante do Black Eyed Peas tem participações especiais de Britney Spears, Mick Jagger, Alicia Keys e Justin Bieber e deveria ter sido lançado no final de 2011, mas depois foi adiado para 24 de setembro e de novo para 25 de outubro, e agora está sem data definida.

Mas Will.i.am não foi a primeiro artista a sofrer com isso. Aqui estão cinco outros músicos que tiveram músicas vazadas.



Kevin Winter/Getty Images




U2: Bono e os outros membros da banda esperavam lançar No Line on the Horizon até 3 de março de 2009, mas os planos foram destruídos depois que uma divisão da Universal Music, a Universal Australia, cometeu um erro nas agendas e disponibilizou as músicas para download antes do previsto, permitindo que mais de 100 mil fãs ouvissem o que estava por vir.

Eminem: Ele teve uma grande dor de cabeça depois que algumas músicas de seu esperado álbum de retorno, Recovery, acabaram no YouTube antes de 22 de junho deste ano, data oficial do lançamento.



Ian Gavan/Getty Images




Madonna: Várias faixas do último álbum, MDNA, acabaram vazando, o que deixou a cantora muito triste. Ainda assim, o disco estreou em primeiro lugar.

Justin Bieber: Às vezes os vazamentos podem ajudar as vendas a crescer, como aconteceu com o álbum Believe, cujas músicas em parceria com Drake e Nick Minaj viram a luz do dia antes do que deveriam. Mas, assim que o disco foi lançado, estreou em número um com mais de 374 cópias vendidas.

Paul McCartney: Os fãs tiveram uma prévia de Kisses on the Bottom com o vazamento das faixas em vários sites pelo mundo.