Visita de Kardashian gera protestos no Kuwait

E! News | Faz 4 anos

 

Hollywood.TV




Manifestantes afirmaram que ela tem uma reputação muito ruim






Na semana passada, Kim Kardashian embarcou rumo ao Kuwait, onde participou do lançamento de uma loja de milkshake e se encontrou com o embaixador dos Estados Unidos no país, Matthew Tueller, mas não sem, é claro, enfrentar algumas confusões antes de voltar para a casa. A presença da estrela de Keeping Up With the Kardashians no país gerou uma série de protestos dos locais.





JÁ CRIOU SEU RANKING DE CELEBRIDADES QUE MAIS SE DESTACARAM NESTE ANO?

CLIQUE AQUI PARA ESCOLHER QUEM MERECE SER A CELEBRIDADE E! 2012





De acordo com o Daily Mail, apesar de Kim ter sido recebida por muitos fãs, os protestantes afirmaram que ela "era uma atriz com uma reputação muito ruim" que sua sex tape e seu casamento de 72 dias eram um péssimo exemplo para os jovens do país. Além disso, segundo o USA Today, os protestantes também diziam que "nenhum costume ou tradição permitia que eles recebessem estrelas de filmes pornôs". Mas a confusão foi dispersada antes da chegada da Kardashian.





LEIA MAIS:

Harry Styles e Taylor Swift são flagrados em passeio romântico pela primeira vez

Dez coisas que você não sabia sobre Kristen Stewart e Robert Pattinson

Isis Valverde confirma existência de vídeo pornô e diz que vai lutar contra a exibição

Robert Pattinson diz que vai torcer para o Corinthians no mundial de clubes

Ex-namorada de Chris Brown estaria gråvida





"Obrigada Sheik Khalifa por sua hospitalidade maravilhosa. Eu estou apaixonada pelo reino de Bahrain", escreveu Kim no sábado, 01, em seu Twitter.

A estrela do E! passou apenas três dias viajando, e na tarde de ontem, 02, já estava de volta à Miami, onde continua gravando o novo reality-show da família, Kourtney & Kim Take Miami.