Tom Cruise fez o que muitos consideravam uma Missão Impossível

E! News | Faz 5 anos

 

Karl Larsen/INFPhoto.com



Tom Cruise viveu um semana digna de Ethan Hunt, seu memorável personagem em Missão Impossível.

Primeiro voou até a Islândia para filmar parte de seu próximo filme, Oblivion. E, nas gélidas terras do norte soube, através da mídia, sobre seu divórcio com a então esposa, Katie Holmes.

O que prometia ser um dos divórcios mais longos, caros, reveladores e escandalosos de Hollywood, se mostrou uma separação serena. O ator foi até os Estados Unidos e pediu a seus advogados que negociassem um acordo com Holmes.






A ex-Dawson's Creek havia pedido a custódia exclusiva da única filha do casal, Suri Cruise.

Após um final de semana de intensas negociações, ambas as partes chegaram a um acordo que deixou todos satisfeitos.

Inclusive, emitiram um comunicado em conjunto: "Estamos comprometidos a trabalharmos juntos como pais para dar o melhor a nossa filha. Queremos que os assuntos que afetam nossa família sejam privados, respeitando nossas próprias crenças. Nós nos apoiamos mutuamente em nosso papel de pais".

Solucionado (ou estabilizado) o assunto do matrimônio, o agente especial Tom Cruise voltou ao set de Oblivion, desta vez na Califórnia, onde todo o staff e colegas o aguardavam para seguirem com o trabalho.

E, ao longo dos últimos acontecimentos, também se tornou o mais novo cinqüentão de Hollywood.





Tom Cruise e Katie Holmes: álbum de família

Pledge to Beckham