Tim DeKay está muito orgulho de Matt Bomer por ter se assumido gay

E! News | Faz 5 anos

 

Myles Aronowitz/USA Network



A estrela de White Collar, o ator Matt Bomer, revelou que é gay assim como seus amigos acreditavam que ele faria, discretamente e com uma graça marcante.

E eles certamente o apóiam.






"Eu o amo, eu o amo, eu o amo. E eu estou muito orgulhoso dele", disse o companheiro de elenco de Bomer, Tim DeKay, ao E! News durante um evento em West Hollywood.

"Ele é um indivíduo fantastic e acho que ele fez isso com muita classe e de forma muito elegante".

O ator de olhos azuis confirmou as suspeitas de que era gay na noite de sábado, 11, ao fazer o discurso de agradecimento pelo prêmio honorário no Steven Chase Humanitarian Awards por seu trabalho em prol da luta contra Aids.

Ao receber o prêmio, Matt agradeceu ao seu parceiro, Simon Halls e seus três filhos.

DeKay acredita que o grande passo de Bomer serviu também para ajudar inúmeras pessoas que possam estar lutando contra sua sexualidade, "Eu não posso imaginar quantos garotos e garotas estão por ai pensando, ‘Se ele consegue fazer isso, eu também consigo'", disse ele.

"Eu adoro o Matt, adoro sua família. Eu acho ele lindo e acho sua família linda", disse Tiffani Thieesen, também co-estrela de White Collar.





LEIA MAIS: Matt Bomer fala sobre seu novo filme, Magic Mike: "Sou um boneco Ken que ganha vida"





O evento ainda contou com mais cinco participações, incluindo a estrela de The Help, Octavia Spencer, e o escritor ganhador do Oscar, Dustin Lance Black, que ficaram no palco por dez minutos contando histórias pessoais de como superaram o preconceito.

Bomer apresentou o programa da noite depois de sair do set de Glee, em que está filmando uma participação especial no seriado.

"Quando alguém se levanta na frente de todos e conta sua experiência, isso nos lembra de nossa humanidade", disse ele, "Quando alguém que pode estar fora de sua zona de conforto, seja por causa de religião, raça, preferência sexual ou deficiência,  se levanta e conta sua história e sua experiência na sua frente, um pouco da ignorância vai embora em todos nós e percebemos que somos todos a mesma coisa".