Taylor Swift vai ao julgamento sobre assédio contra DJ David Mueller

E! News | Faz 4 meses

 
Taylor Swift

Tim P. Whitby/Getty Images




Saiba detalhes!






Taylor Swift, que elogiou novo single de Selena Gomez, começou a enfrentar a batalha legal contra o DJ David Mueller. O julgamento começou no início desta semana e tem contado com a presença de Taylor em todos esses dias, inclusive nesta quarta-feira, 9, em um tribunal de Denver, nos Estados Unidos.

TAYLOR SWIFT E JOE ALWIN SE ESCONDEM AO SEREM FLAGRADOS SAINDO DE ACADEMIA

Para quem não se lembra, Mueller foi demitido do seu trabalho, na rádio 98.5 KYGO, após a cantora acusá-lo de apalpar o seu corpo durante uma foto, em 2013. Ele, no entanto, diz que recebeu "falsas acusações" de Taylor. Um total de oito jurados – dois homens e seis mulheres – foram selecionados de um grupo de 60 para participar do julgamento.

TAYLOR SWIFT SUSPENDEU SUA CELEBRAÇÃO DE 4 DE JULHO?

Nesta quarta-feira, a cantora chegou às 08h30 ao local, acompanhada de sua mãe, Andrea Swift. O E! News recebeu um esboço da corte, que mostra Taylor com um conjunto de alfaiataria preto e cabelos presos. A loira e o DJ deram as suas versões iniciais. O advogado de Mueller alega que ele perdeu o seu "trabalho dos sonhos" e nega ter tocado Taylor de forma inadequada.

CALVIN HARRIS FALA SOBRE TÉRMINO COM TAYLOR SWIFT EM ENTREVISTA

Enquanto isso, o advogado de Taylor relatou que o ato do DJ foi um "caso de agressão sexual no trabalho". Uma testemunha revelou ao E! News que a loira ficou "muita séria" ao longo do testemunho do rival. "Enquanto ele se posicionava, Taylor o olhava atentamente. Ela estava com a mão no queixo e ouvia atentamente cada palavra", disse a fonte. O julgamento deve continuar nos próximos dias.



Taylor Swift vs David Mueller Trial Sketch

AP Photo/Jeff Kandyba




Os ex de Taylor Swift

Calvin Harris