Sucesso de Pitbull é desvendado pela revista GQ

E! News | Faz 5 anos

 

GQ



Embora no início da carreira de Pitbull parecesse que ele seria apenas mais um cantor com uma única música de sucesso, o rapper mostrou para o mundo como deixar para trás a vida das drogas e trocá-la por uma vida focada nos negócios, na fama e no sucesso.

Há alguns meses, a revista GQ nomeou Pitbull como um das 25 pessoas vivas mais influentes do mundo, e esse título não deve ser considerado uma surpresa, ainda mais se considerarmos os números de vendas e as paradas que o cantor já conseguiu por todo o mundo.






Em sua edição de abril, a revista mostrou a drástica mudança da vida do cantor, que há três anos se vestia com calças largas decoradas com a bandeira de Cuba e agora prefere os ternos elegantes e camisas com os primeiros botões abertos para suas aparições.

As rimas espirituosas inspiradas nos problemas de Miami ficaram para trás, e, agora, as canções de Pitbull em parceria com outros grandes artistas estão destinadas a se tornarem os maiores sucessos das rádios e das pistas de dança.

Jennifer Lopez, Enrique Iglesias, Marc Anthony, Ne-Yo e Chris Brown são só alguns dos nomes que já compartilharam do sucesso com o raper – que se tornou um dos mais procurados atualmente pois tudo que leva seu nome se torna um grande hit.





LEIA MAIS: Pitbull é o rei do YouTube!





O sucesso de seu último disco foi esmagador, não só pela venda dos discos e pelos vídeos, mas também graças à engenhosa forma que Pitbull tem para promover produtos em suas canções. No ano passado, o cantor ganhou mais de US$6 milhões com a propaganda de cervejas, refrigerantes, câmeras fotográficas e até vídeos para fazer exercício.

Entretanto a fama não subiu à sua cabeça, e é de conhecimento geral que ele mantém uma relação muito próxima com seus fãs.





LEIA TAMBÉM: Pitbull sobre o Brasil: "Eu adoro as mulheres brasileiras"