Show do U2 vai além do esperado

E! News | Faz 5 años

 
AgNews
Bono Vox logo brincou no início do show: o clima era de "balada". Os portões do estádio do Morumbi abriram suas portas neste sábado, 9, para os 90 mil fãs que compareceram na noite. O show foi o primeiro dos três que a banda U2 fará em território paulista. Não podíamos esperar menos do ativista irlandês. O grupo agitou o público durante todo o espetáculo, mas ao final, Bono fez questão de fazer uma pausa: Na última canção, Moment Of Surrender, discursou em homenagem às 12 crianças vítimas do massacre na Escola Municipal Tasso de Silveira, no Rio de Janeiro. “Liguem seus isqueiros, seus celulares, vamos homenagear essas crianças e suas famílias”, pediu o cantor, enquanto o nome da uma dúzia de vítimas aparecia no telão de 360º. Um momento triste e bonito, que definitivamente marcou os presentes. Hits como Beautiful Day, Miss Sarajevo, I Still Haven't Found What I'm Looking For, Vertigo e With or Without You foram alguns dos selecionados que tanto eletrizaram as pessoas. Como prometido pela banda, o show não deixou a desejar. Em exatas duas horas de apresentação, o grupo justificou o porquê da atual turnê ser a mais lucrativa da história: com uma estrutura de palco jamais vista, o U2 cumpre o que é, de fato, “o maior espetáculo da Terra”. Outras referências ao Brasil aconteceram durante a noite. Antes de Beautiful Day, Bono puxou uma garota da “red zone” e, juntos, leram um trecho de Carinhoso, do escritor Pixinguinha. Porém, o que chamou atenção foi a reação oposta que aconteceu quando o vocalista citou seu encontro com a presidente Dilma Rousseff: Vaias e mais vaias engoliram alguns supostos aplausos que mal podiam ser escutados. Foi uma troca de aprendizados esse show - enquanto Bono nos faz refletir, nós o fazemos refletir! Momento de tensão para a banda... Mas, let's move on. Por se tratar de um show do U2, o telão também serviu para mostrar mensagens politizadas, é claro. Elas fizeram referência aos conflitos atuais da Líbia e Egito (para introduzir Sunday Bloody Sunday) e à política birmanesa Aung San Suu Kyi.
AgNews
O set list da apresentação de sábado, por outro lado, foi igual à primeira de Buenos Aires. Fica então a torcida para que o mesmo cronograma se repita em São Paulo nos próximos shows. Set list: 1 - “Even better than the real thing” 2 - “I will follow” 3 - “Get on your boots” 4 - “Magnificent” 5 - “Mysterious ways” 6 - “Elevation” 7 - “Until the end of the world” 8 - “I still haven't found what I'm looking for” 9 - “Stuck in a moment you can't get out of” (acústico) 10 - “Beautiful day” 11 - “In a little while” 12 - “Miss Sarajevo” 13 - “City of blinding lights” 14 - “Vertigo” 15 - “I'll go crazy if I don't go crazy tonight” 16 - “Sunday bloody Sunday” 17 - “Scarlet” 18 - “Walk on” 19 - “One” 20 - “Where the streets have no name” 21 - “Hold me, thrill me, kiss me, kill me” 22 - “With or without you” 23 - “Moment of surrender” Distribuídos em três camarotes, famosos curtiram o show do U2, na noite deste sábado. De Ana Maria Braga, que foi com o marido Marcelo Frisoni, até o quarteto Giovanna AntonelliLeonardo NogueiraMurilo Benício Guilhermina Guinle - que posaram juntos e felizes da vida. Confira as fotos! [nggallery id=112]