Sharon Osbourne fez mastectomia dupla por precaução

E! News | Faz 4 anos

 

NBC



Estrela carrega genes relacionados à maior probabilidade de desenvolver câncer de mama






O câncer é uma das doenças que mais mata hoje em dia e lógico que causa preocupação em todo mundo, principalmente em quem já passou por isso. Sharon Osbourne é um exemplo disso.

Em entrevista para a revista Hello!, a matriarca da família Osbourne, que teve câncer de colo há dez anos, fez uma revelação bastante controversa. A mãe de Kelly Osbourne, estrela de Fashion Police, disse que depois que se curou desse câncer, descobriu, através de exames, que carrega os genes relacionados à maior probabilidade de desenvolver câncer de mama. "Eu já enfrentei um câncer e decidi que não viveria sob essa ameaça, por isso resolvi tirar os seios", revelou.





LEIA MAIS: Família Osbourne vira desenho animado





Para se proteger, Sharon não teve dúvidas e realizou uma mastectomia dupla. "Eu tive essa doença antes e não quero viver com essa nuvem em cima de mim. Decidi tirar tudo. Não foi difícil, pelo contrário, foi bastante óbvio. Eu quero ficar aqui muito tempo e ser uma avó presente para Pearl (filha de Jack).", contou ela.

"Eu nem sequer penso nos meus seios de uma forma nostálgica, eu só queria ser capaz de viver minha vida sem medo o tempo todo (...). Não é ter pena de mim, foi uma decisão que tomei que me livrou de um peso que eu estava carregando", continuou a corajosa.



AP Photo/Gus Ruelas




A mulher de Ozzy Osbourne também revelou que a operação durou 13 horas e isso também a convenceu a desistir de vez das cirurgias plásticas. "É impossível comprar a juventude por mais dinheiro que possamos ter".





Siga o E! Online Brasil e acompanhe as notícias mais quentes das celebridades!