Ryan Gosling se une ao PETA para defender os animais

E! News | Faz 4 anos

 
Ryan Gosling

Fame Pictures



Ator quer proteger bezerros da crueldade






Além de salvar mulheres de atropelamento e separar brigas, nas horas vagas Ryan Gosling também cuida dos animais – e não só de seu fofo cachorro, George.

Siga o E! Online Brasil no Twitter

Como se precisássemos de mais um motivo para amar o ator, ele se uniu ao PETA para defender os animais da crueldade, mais especificamente, os bois e as vacas.

O astro de Drive escreveu uma carta para a Federação Nacional dos Produtores de Leite pedindo que os oficiais exigissem que os fazendeiros parassem de praticar o "dehorning", um processo doloroso em que os bezerros têm seus chifres arrancados ou queimados ainda na cabeça.

LEIA MAIS: Ryan Gosling vai se afastar do cinema

"Dehorning é uma das coisas mais dolorosas que acontece com os bovinos em fazendas leiteiras, seja queimando o bezerro com ferro quente ou aplicando uma pasta cáustica para criar uma queimadura química que corrói a carne do animai. Não há nenhuma razão – e nenhuma desculpa – para a cruel e desnecessária prática de dehorning continuar", escreveu Gosling na carta, que foi obtida pelo E! News.

Leve o E! Online Brasil no bolso! Baixe o aplicativo do E! na Apple Store, Google Play ou Blackberry App World

"Eu respeitosamente insisto para que a Federação Nacional dos Produtores de Leite assuma a liderança contra essa prática bárbara, exigindo que os agricultores eliminem gradualmente essa prática através do cruzamento do gado sem chifre", continuou ele.