Rob Kardashian comenta o fato do presidente Obama não deixar as filhas assistirem “Keeping Up with the Kardashians”

E! News | Faz 5 anos

 
Sim, Rob Kardashian está mudando e amadurecendo com a vida. A última prova que tivemos disso foi quando o jovem competidor do Dancing With the Stars participou do programa da Ellen DeGeneres que vai ao ar segunda-feira, 24, nos Estados Unidos, com a sua parceira Cheryl Burke. E embora suas irmãs não tenham nada a ver com a ida dele ao programa, a família Kardashian foi trazida a conversa quando a apresentadora perguntou o que Rob achava sobre o comentário do presidente Barack Obama dizendo que não aprovava que suas filhas assistissem Keeping Up With the Kardashians. E o que ele disse? Depois de Ellen perguntar, “Obviamente, muitas pessoas têm muitas opiniões quando de trata de reality shows em geral, e sobre o império Kardashian. E o presidente fez um comentário dizendo que não quer que as filhas vejam o programa. Como isso te afeta?”, Rob foi bastante gentil em sua resposta. SAIBA MAIS: Kim Kardashian e Kris Humpries têm sua primeira grande briga… “Bom, obviamente alguém está assistindo o programa na Casa Branca. Mas não pela própria vontade. Eu entendo que ele está tentando criar suas filhas de certo modo, e tudo bem. Todos têm uma opinião própria”, disse ele. “Mas você realmente aprende algumas coisas com o nosso programa”, continuou ele, “Não há aspectos negativos no show. Tem sempre uma mensagem positiva no final do dia. Mas, vai Obama!” “Isso é muito doce! Eu concordo com você. Não é uma coisa negativa. Vocês são uma família amável e que se apóia... E é bastante real”, respondeu a apresentadora. Sim, Ellen, nós também achamos.