Reynaldo Gianecchini fala sobre homossexualidade

E! News | Faz 5 anos

 

AgNews




Ator abre o jogo sobre a recuperação e outros assuntos no lançamento de seu livro






Acompanhado do escritor Guilherme Fiuza, Reynaldo Gianecchini lançou na noite de terça-feira, 11, sua biografia Giane - Vida, Arte e Luta na livraria Cultura do Conjunto Nacional, em São Paulo. Durante o evento, que contou com uma coletiva de imprensa e sessão de autógrafos, o ator falou sobre a luta contra o câncer e revelou como a doença mudou sua vida. "Olho para as coisas com mais calma", garantiu ele, que não pode fugir de temas mais polêmicos, como o fim de seu casamento com Marília Gabriela e homossexualidade.

LEIA MAIS: Anne Hathaway diz que ficou arrasada por fotos sem calcinha - "Era mais fácil eu ter levantado a saia pra eles", conta ela

Giane, que antes da coletiva era só sorrisos enquanto garantia aos presentes que o livro "é uma delícia de ler", mudou o tom quando questionado sobre sua sexualidade. "Sempre inventaram coisas sobre sua vida e essa (homossexualidade) era uma constante", disparou ele.





LEIA MAIS:

Bieber é confirmado em filme de drama. Veja qual papel ele vai interpretar

Miley Cyrus dança ao lado de stripper que mostra os seios

Nial Horan, do One Direction, ganha beijo de ator de Hollywood

Lindsay Lohan irá faltar em audiência para acompanhar a turnê do The wanted



AgNews




"Se me incomoda? No começo sim, ficava incomodado. Aprendi a lidar porque não iria conseguir sobreviver. Mas a própria verdade vai se falando por si só e o boato morre na praia. Por isso que minha postura nunca foi chegar à imprensa e ficar me justificando. Tem uma coisa que eu sempre falo: se foi publicado, é mentira, o resto eu posso estar fazendo mesmo", disse ele em tom irônico.

Já mais tranquilo, ele até brincou com o tema, dizendo que "se 10% das histórias que são publicadas sobre mim fossem verdade, minha vida seria bem divertida e engraçada". "Se estou na praia com um amigo, já dizem logo que é meu caso", contou ele aos risos.

"A própria imprensa já me elegeu como a maior vítima deles, como o cara mais sacaneado", completou ele com muita simpatia bom humor. 

CONFIRA OS MELHORES MOMENTOS DA ENTREVISTA.

Vida após o tratamento

"A vida é uma troca, ganhei muita coisa, mas também perdi. Busquei procurar dentro de mim a força (para lutar contra o câncer). Olho para as coisas com mais calma, encontro meu equilíbrio, minha força interna. É difícil, mas é um exercício diário. Quando enfrento um problema, me vejo mais tranquilo do que antes".

SIGA O E! ONLINE NO TWITTER

Capítulo do livro mais emocionante

"Vários momentos, fui lembrando de muita coisa. Foi muito bom lembrar da infância. Mas o momento que mais me tocou, quando eu li o livro, foi o capítulo da minha separação porque o Fiuza retratou lindamente uma história de uma separação entre duas pessoas que ainda se amavam, mas que o casamento não dava mais certo".



AgNews




CONFIRA MAIS SOBRE REYNALDO GIANECCHINI

Estaria ele tendo um affair com loira?

Ator faz festona de 40 anos!

Como conquistar Giane. Leia aqui o que ele nos disse!



AgNews






AgNews






AgNews




Matéria de Larissa Mathias