Pussycat Dolls rebate acusações de ex-integrante sobre prostituição

E! News | Faz 4 semanas

 
Pussycat Dolls, Nicole Scherzinger

Don Arnold/WireImage




Veja o que elas falaram!






O grupo Pussycat Dolls fez questão de emitir um comunicado sobre as recentes e graves acusações da ex-integrante, Kaya Jones. A banda feminina, que deve voltar a se reunir neste ano, rebateu Kaya e negou, através de um comunicado, que as integrantes do Pussycat Dolls tenham passado por uma "rede de prostituição".

PUSSYCAT DOLLS CONFIRMAM RETORNO COM SITE MISTERIOSO

"O Pussycat Dolls sempre defenderá o empoderamento feminino e a sororidade. Nós nos solidarizamos com todas as mulheres que falaram sobre as suas terríveis experiências de abuso, assédio ou exploração. No entanto, nós não podemos nos esconder atrás de alegações falsas de outros membros do grupo que participaram de algumas atividades e que simplesmente não aconteceram".

NICOLE SCHERZINGER SE REÚNE COM EX-INTEGRANTE DO PUSSYCAT DOLLS

"Comparar nossos papeis profissionais no Pussycat Dolls com uma rede de prostituição, não só acaba com o que trabalhamos duro para alcançar durante todos esses anos, mas também acaba as milhões de vítimas que estão falando e ouvindo alto e claro ao redor do mundo".

PUSSYCAT DOLLS CONFIRMAM RETORNO COM SITE MISTERIOSO

"Embora não estejamos conscientes sobre as experiências de Kaya, que alegadamente ocorreram durante o seu curto período de tempo trabalhando conosco, antes que o grupo assinasse um contrato de gravação, podemos testemunhar firmemente que não estávamos informadas de qualquer má conduta que ocorria em torno de nós", disse o comunicado.





Estrelas com bandas

Jada Pinkett-Smith With Wicked Widsom