Problema de Cory Monteith com drogas era mais grave do que ele mostrava

E! News | Faz 3 anos

 
Cory Monteith

AP Photo/Matt Sayles




Amigos do astro de Glee falaram sobre o vício do ator






Menos de uma semana após a morte de Cory Monteith, os médicos legistas confirmaram que o astro de Glee teve uma overdose de uma mistura de entorpecentes, incluindo "heroína e álcool".

Siga o E! Online Brasil no Twitter

"Cory lutou contra os demônios dele e os demônios venceram. Cory não estava saindo e fazendo essas coisas para se divertir, ele não conseguia parar. Ele tentou, ele simplesmente não conseguiu", disse um amigo do ator.

MAIS: Autópsia revela que Cory Monteith morreu de overdose

O que muitas pessoas não sabem é que a situação de Cory era muito mais sombria do que ele deixava transparecer e do que os amigos suspeitavam.

Antes do ator se internar na clínica Betty Ford em março, "ele estava usando heroína e metanfetamina", contou outro amigo. "Era muito assustador".

TUDO QUE SABEMOS SOBRE A MORTE DE CORY MONTEITH

"Ele tinha grandes marcas de agulha", além de hematomas e cicatrizes causados pelo uso de drogas intravenosas. "A desintoxicação foi muito longa", continuou o amigo.

Antes de se internar em março deste ano, Monteith teria passado um período no Crossroads Centre, clínica que tem Eric Clapton como co-fundador.

MAIS: Cory Monteith tinha recaídas quando viajava ao Canadá

Depois de deixar a Betty Ford, em abril, o ator foi flagrado em férias no México acompanhado pela namorada, Lea Michele, e parecendo saudável e recuperado.

Outra fonte garante que ele estava "super comprometido em ficar sóbrio", mas não se sabe o que causou a último recaída, que culminou em sua morte prematura.

Leve o E! Online Brasil no bolso! Baixe o aplicativo do E! na Apple Store, Google Play ou Blackberry App World

"Cory não era um homem ruim. Ele tentou mesmo superar isso, ele não queria mais usar. Mas tinha uma doença, ele era um viciado. Não há nada de bom nisso, mas não o torna uma pessoa ruim", disse um dos amigos.

Aos fãs que gostariam de homenagear Monteith, os representantes do ator pediram que façam doações às clínicas que ele ajudou: Chrysalis, Virgin Unit e Project Limelight Society.