Policiais entram na casa de Charlie Sheen após ligação alarmante

E! News | Faz 6 años

 
Os policiais terminaram sua busca e Charlie não foi preso. O advogado de Charlie Sheen, Mark Gross, disse que a polícia encontrou um rifle – da época de 1800 – e algumas guarnições, acrescentando que nenhuma outra arma se encontrava na casa. Mark também confirmou que a polícia executou o mandado de busca porque alguém que ele não soube dizer, acusou Charlie de estar usando armas para machucar a si próprio. Sob a ordem judicial obtida por Brooke Mueller – em que ela acusou Sheen de ter ameaçado cortar fora sua cabeça e colocá-la em uma caixa, entre outras ações cometidas pelo mesmo – no dia 1 de março, havia sido estipulado que Charlie não poderia portar qualquer tipo de arma, e é por causa da violação dessa ordem que os oficiais conseguiram um mandado para vasculhar a casa do ator. “Eles foram profissionais e fizeram um ótimo trabalho,” acrescentou o advogado aos repórteres, “Charlie agradece o profissionalismo dos policiais de L.A. e por terem terminado o seu trabalho e ele entende que esse é o preço a ser pago pelo que vem acontecido com ele.”