Os filmes infantis também geram polêmicas

E! News | Faz 5 anos

 

Disney/Pixar




Quando os pais levam seus filhos ao cinema, podemos garantir que umas de suas prioridades é mantê-los longes das cenas de sexo e violência tão comuns nos filmes destinados aos adultos.

Mesmo assim, muitos deles se queixam de que até mesmo os filmes infantis possuem mensagens subliminares que poderiam contaminar as mentes dos pequenos.

Um dos filmes mais recentes que recebeu este tipo de crítica foi The Lorax, que tem Zac Efron  e Taylor Swift como dubladores, e foi descrito por um jornalista do Fox Business como "uma plataforma para pressionar as crianças a comprarem produtos amigos do meio ambiente".

Veja quais outras já receberam críticas:






No ano passado, o jornal Fox News criticou fortemente Os Muppets com uma crítica que os fantoches já recebem há tempos, dizendo que o filme era "comunista porque manipula as crianças para convencê-los com uma mensagem contra corporações".

O clássico da Disney, A Pequena Sereia, também já foi criticado porque, na cena final do casamento de Ariel e Príncipe Eric, o padre aparece "excitado", mas, segundo os animadores do filme, o que aparece são os joelhos trêmulos  do personagem.

O aclamado Tow Story 3 foi considerado sexista porque das sete novas personagens do filme, apenas uma é mulher.

Outro filme taxado como sexista foi Branca de Neve, principalmente pela cena em que a personagem chega à casa dos Sete Anões e a primeira coisa que faz é limpar o lugar.



Disney/Pixar




Os grupos que lutam contra a obesidade infantil criticaram Shrek Terceiro por mostrar muitas comidas nada saudáveis como chocolates, doces e refrigerantes.

O Rei Leão também não se salvou das críticas, especialmente pela cena em que Mufasa e Simba olham o céu e as estrelas parecem formar a palavra sex, mas os animadores afirmaram que o que realmente aparece escrito é SFX, uma homenagem à equipe de efeitos especiais.

Os críticos conservadores também encontraram aspectos negativos no ganhador do Oscar, Wall-E, que foi considerado uma "propaganda da esquerda política sobre o mal da humanidade",

E outros consideram que o mais recente ganhador do Academy Awards, Rango - uma divertida aventura protagonizada por um camaleão - é uma propaganda a favor do tabaco, devido ao uso excessivo de cigarro pelos personagens.

Você já havia notado algum desses detalhes? Lembra de algum filme que ficou fora da lista das críticas?