O granuloma de John Mayer volta a crescer e cantor é obrigado a interromper sua turnê por tempo indeterminado

E! News | Faz 5 anos

 

Hector Vallenilla/PacificCoastNews.com



A grande volta de John Mayer aos palcos atingiu mais uma barreira, e das grandes.

Apesar de ter anunciado recentemente que sairia em turnê na primavera do hemisfério norte depois de ter se curado do processo para retirar um granuloma de suas cordas vocais, o cantor postou em seu blog na sexta-feira, 9, anunciando que a doença que havia colocado sua carreira em espera estava de volta.

Mas o que isso significa?






Enquanto seu álbum Born and Raised será lançado na data prevista, 22 de maio, seus planos para a turnê foram adiados. Indefinidamente.

É claro que os fãs ficam desapontados, mas não mais do que o próprio Mayer, que descobriu o retorno do granuloma na semana passada.

"Durante um ensaio na terça-feira, passou por minha mente que eu deveria ver o meu médico da garganta, pois algo não estava e não soava certo", escreveu o cantor, "Eu passei por uma consulta na quarta-feira e um exame das minhas cordas vocais revelou que o granuloma havia crescido novamente na parte que tinha se curado melhor".

"Por causa disto, não tenho escolha a não ser ter uma pausa por tempo indeterminado das apresentações ao vivo. Embora haverá um dia em que isso fique para trás, isso vai me afastar por um longo período de tempo, maior do que eu gostaria que vocês contassem".

E para esclarecer, Mayer explicou que "o granuloma se forma e continua a crescer com uma bola de neve porque está em um ponto em que as cordas vocais se chocam e não há como realmente se curar sem um bom intervalo de tempo e um bom tratamento intensivo".

E agora que a turnê está arruinada, qual é o próximo passo do cantor? Compreensívelmente, assim como em sua pausa no ano passado, ele disse que enquanto não pode cantar, pode escrever, e já está planejando começar a trabalhar em seu próximo álbum "muito em breve".

"Em algum momento, entre essa nova cirurgia e o longo período de silêncio induzido quimicamente, eu espero que vocês entendam que tenho que escolher a data com cuidado", escreveu ele.

"Estou emocionalmente esgotado nesse momento, mas por favor saibam que eu realmente tentei resolver isso e que estou muito desapontado por ainda não poder me apresentar com esse álbum... A única coisa que me impede de chorar uma poça de lágrimas é saber que a vida é longa, e que o maior presente do mundo é poder criar música não importa as circunstâncias. Então essas são as novas circunstâncias, e eu vou achar um jeito de fazer isso significar alguma coisa. É tudo que posso fazer".