Nicki Minaj: “Não há problema algum em ser estranho”

E! News | Faz 6 anos

 
Nicki Minaj foi a escolhida para a última edição de BlackBook! Aos 26 anos, ela é comparada constantemente com Lady Gaga, pelas roupas, atitudes e perfomances exageradas e exibicionistas. Veja aqui algumas coisas que a rapper de Trindade compartilhou com a revista: Quase abandonou os seus sonhos: “Eu não tinha nenhum dinheiro, não tinha ninguém para ligar e estou sozinha na rua. Além disso, fiquei sem querer contar para minha mãe que estava sem emprego e queria muito voltar para casa. Além da minha fé em Deus, a única coisa que me ajudou a superar aquela fase foi o medo de ‘o que aconteceria com minha família se eu não conseguisse sustentar? ’. Lembro que pensei, ‘Eu não sei se isso vai funcionar, mas vou tentar uma única última vez’”. Comparada com Lady Gaga: “Nós duas somos estranhas, um tipo “uma coisa não-bonita”. O que estou querendo dizer é que é ok ser estranha, não tem problema ser diferente. E talvez o seu estranho seja normal. Quem irá dizer o que é certo ou errado? Então, acho que essa atitude tenho em comum com Lady Gaga”. Namorados e paqueras: “Eu não sou do tipo de conversar com qualquer um na balada. A não ser que eu o conheça, eu nem quero ser apresentada para o rapaz, porque sempre fico com cara da vagabunda chata. Eu vi um cara, um rapaz famoso, que estava em uma das minhas festas. Eu dei um beijo na bochecha dele e fui para o meu lugar. Depois, vazou uma história de que eu e ele fomos embora juntos e fomos parar no hotel”.