Miley Cyrus é chamada de prostituta e xingada por cantora

E! News | Faz 3 anos

 
Miley Cyrus, Sinead O

YouTube



Entenda!






Miley Cyrus, que recentemente agradeceu seu ex-namorado por clipe, já deve estar acostumada a receber críticas, mas em discussão com a cantora Sinéad O'Connor (na qual Miley, um dos maiores alvos de comentários dos últimos tempos, se inspirou para gravar Wrecking Ball), que a criticou de forma bem pesada nessa quinta-feira, 03, ela perdeu a paciência e pegou pesado! Entenda essa briga:

Round 1:

Em carta aberta publicada em seu site oficial, nessa quinta-feira, 03, Sinéad afirmou: "A indústria não dá a mínima para você, ou para qualquer uma de nós. Eles vão prostituí-la por tudo que você vale e facilmente vão fazer você pensar que isso era o que você queria... e quando você acabar em uma clínica de reabilitação por ter sido prostituída, ‘eles' estarão em seus iates em Antígua, que eles compraram com a venda de seu corpo, e você vai se sentir muito sozinha".

Sobre o clipe Nothing Compares 2 U, que inspirou Miley em Wrecking Ball, ela comentou: "Minha gravadora me incentivava a fazer o que você tem feito. Senti que eu preferia ser julgada pelo meu talento e não pela minha aparência. Estou feliz por ter feito essa escolha".

Miley Cyrus revela qual sua droga favorita

A cantora ainda afirmou que Miley não precisa se preocupar com a imagem de estrela da Disney. "Ela está bem longe agora. Não é por você ter ficado nua, mas por você ter feito grandes discos. Nós, mulheres da indústria, somos modelos e, como tal, temos que ser extremamente cuidadosas com as mensagens que passamos para outras mulheres".



Miley Cyrus, Sinead O

Twitter




Round 2:

Em resposta, Miley deu print screen em tuites (imagem a cima) de Sinéad, nos quais ela pedia ajuda de psiquiatras e publicou no Twitter. Na legenda, ela escreveu: "Antes de Amanda Bynes, nós tínhamos...". Além disso, ela publicou no microblog uma foto da cantora rasgando uma foto do papa. A imagem é de um episódio polêmico de Saturday Night Live.

Round 3:

Sinéad, então, ficou ofendida e comentou: "Miley... Sério? Quem é a p*rra da pessoa que está te aconselhando? Porque me colocar nisso é ainda mais estúpido do que se comportar como uma prostituta e chamar isso de feminismo. Você postou hoje tuites meus que são de dois anos atrás, que foram postados quando eu estava doente e procurava ajuda. Você está fazendo graça comigo e com Amanda Bynes por sofrermos com doenças mentais".

Já viu as fotos reveladoras de Miley Cyrus com bumbum de fora?



Miley Cyrus

MTV



Algumas horas depois, a eterna Hannah Montana continuou: "Sinead, eu não tenho tempo para escrever uma carta aberta para você, porque vou apresentar o SNL essa semana. Então, se você quiser me encontrar para conversar, me avise na próxima carta".

Round 4:

Em outra carta aberta, publicada nesta sexta-feira, 04, Sinéad respondeu negando o convite: "Miley, eu não tenho interesse em me encontrar com você. Você pode pegar cinco minutos para se desculpar publicamente e remover seus tuítes abusivos... Quando você se desculpar publicamente para Amanda e para mim e para todos os doentes mentais, você terminará com o assunto", desabafou.

Ela ainda ameaçou processar Miley: "Se você não se desculpar, eu não terei escolha há não ser entrar com um processo legal na justiça contra você, uma vez que é extremamente difícil trabalhar quando as pessoas pensam que você sofre de doença mental. Eu não tenho nenhum interesse ou desejo de causar-lhe problemas, mas se você não pedir desculpas por ter tentado me machucar e me causar problemas pessoais e profissionais, eu vou ter que fazer pressão em cima de você".



 Miley Cyrus, Sinead O

Jeff Kravitz/FilmMagic/Marco Secchi/Redferns via Getty Images



Miley Cyrus e Rihanna competem no twerk

"Quando você acabar na ala psiquiátrica ou na reabilitação, eu ficarei feliz em visitá-la... e não me rebaixarei para zombar de você", continuou. E não pense que a lição de moral parou por aí, não. Até Britney Spears foi envolvida na história.

"Você não tem nada a ver com Amanda Bynes ou com qualquer outra pessoa. Como você acha que fez ela se sentir ontem? Como você se sente quando sua amiga Britney Spears é ridicularizada por ter tido problemas de saúde mental? Eu sei que eu, pessoalmente, quero bater naqueles que a tratam dessa forma. Se ela é sua amiga e, mais importante, se você é uma amiga verdadeira... você deve pedir desculpas por se juntar àqueles que humilham as mulheres que foram muito agradáveis, francamente, para gerir o negócio da música, sem sensatez, perdendo suas mentes", escreveu.

Finalizando, ela disse: "Você vai se tornar vítima dela em breve. Em breve, você será  a mídia "louca"... e você não vai gostar disso... e você vai apreciar as pessoas (como eu) que estão lá por você. E eu vou estar feliz de fazer isso... se você ganhar o meu respeito hoje pedindo desculpas publicamente".