Marvel mata líder dos X-Men!

E! News | Faz 5 anos

 

Joe Kohen/WireImage; Marvel



Descanse em paz, Professor Xavier






Já estamos prevendo fãs ao redor do mundo ficando de luto.

Em um movimento que, sem dúvidas, irá esquentar o mundo geek, sem mencionar a comoção emocional, a Marvel Comics matou o Professor X, o lendário líder e fundador do time de heróis mutantes conhecidos como X-Men.

E até o Magneto não tinha previsto isso.

A morte de Charles Xavier ocorre em Avenger vs. X-Men número 11, que chega às lojas dos Estados Unidos na próxima quarta-feira – e, o mais chocante de tudo: Ela irá acontecer pelas mãos de seu ex-aluno Cyclops.

Tom Brevoort, o vice-presidente sênior e editor executivo da Marvel, falou com o E! News sobre a decisão, dizendo que não foi uma casualidade, mas parte de uma "evolução contínua" do personagem Cyclops na atual situação da série.

"Ficou claro em certo ponto que Cyclops iria ter algum tipo de confronto com seu mentor, Professor X. No passado, ficou claro que eles estavam se distanciando... E o Professor X sabia que esse era o momento do Cyclops. Ele viu seu estudante se tornar uma pessoa adulta", disse Brevoort.

Segundo a Marvel, Cyclops começou a se tornar ele mesmo depois da série House of M, de 2005, quando viu 200 mutantes perderem suas habilidades e se tornou o líder da milícia geral dos mutantes restantes para garantir a sobrevivência da espécie. E isso criou o eventual confronto com Xavier.

"A noção que no auge da loucura e bêbado pelo poder da Fênix e lutando com o fato de estar fazendo o que era certo para todos, Cyclops teve que lutar com seu pai, foi muito poderoso e shakespeariano para nós", continuou Brevoort.

Nos cinemas, o Professor X foi interpretado por Patrick Stewart nos três primeiros filmes do X-Men, enquanto James McAvoy assumiu o papel em X-Men: First Class.

Com a notícia, a Marvel recebeu todo tipo de reações, com alguns fãs que não gostaram da notícia e alguns que ficaram perturbados com a ação do Cyclops.

"Do que eu percebi, as pessoas estão mais tristes com o que o Cyclop fez do que com o que de fato aconteceu", disse Brevoort.

E já que a Marvel e a 20th Century Fox têm os direitos da franquia, a mudança entrará em algum filme no futuro?

"Seria muito legal... mas os recursos materiais e humanos têm que estar por trás disso", disse Brevoort.