Kris Jenner envergonha Kim Kardashian em um programa de rádio…

E! News | Faz 5 anos

 

Jason Merritt/Getty Mike Coppola/Getty




A matriarca do clã Kardashian, Kris Jenner, recebeu duras críticas depois que uma de suas filhas admitiu estar tomando anticoncepcional desde os 15 anos de idade por recomendação da mãe.






Diante dos contínuos ataques da imprensa e da sociedade americana, Kris insistiu que tomou a melhor decisão possível, já que se lembra do forte apetite sexual de Kim com esta mesma idade.

"A primeira coisa que fizemos foi ir a uma consulta médica, quando Kim tinha acabado de fazer 15 anos, uma idade em que se deve falar com sua filha e a acompanhá-la até que ela possa responder por si, com responsabilidade. Foi basicamente o que fiz e acho que agi corretamente", contou no programa de rádio The Kyle and Jackie O Show.

"Pouco antes, ela já havia me contado sobre seu incontrolável desejo sexual e me dizia que sentia que esse lado da sua vida adulta já estava aflorando. Fomos correndo ao médico, que não era qualquer um, era o que me ajudou a dar à luz aos meus quatro filhos mais velhos. Confiava plenamente nele e pedi para que ele me garantisse que minhas filhas estavam protegidas", acrescentou.

As filhas mais novas de Kris, Kylie e Kendall, estão atravessando uma difícil etapa da adolescência, mas a mãe delas não acredita que seja necessário que elas passem pelo mesmo processo que Kim, já que, em sua opinião, são mais infantis que Kim com essa idade.

"Elas são muito mais imaturas que Kim nesta época, então espero não ter que enfrentar uma situação semelhante no futuro. Mas tenho claro que, se seu filho se aproxima de você e é sincero, o que você vai fazer, ignorar suas preocupações?", questionou Kris.

E aí, o que chamou mais a atenção de vocês: Kris deixar que Kendall e Kylie tomem anticoncepcional aos 15 anos ou ela dizer em um programa de rádio que o apetite sexual de Kim nesta idade era forte?

Que vergonha, hein, Kim...?