Kelly Price fala sobre seu dueto com Whitney Houston e os momentos que passou com amiga

E! News, Grammy Awards, | Faz 47 anos

 


Que diferença alguns dias podem fazer.

Ryan Seacrest conseguiu conversar com Kelly Price, amiga íntima de Whitney Houston, no tapete vermelho do Grammy na noite de ontem, 12. E enquanto o apresentador do E! News segurou suas mãos, a nominada ao Grammy lutou para segurar as lágrimas ao lembrar-se dos momentos que passou com a amiga e como recebeu a triste notícia de sua morte.






Na noite de quinta-feira, 9, Houston se juntou a Prince durante um evento organizado por ela antes da premiação.

"Eu estava dando uma festa pré-Grammy para os nominados, eu convidei Whitney para ir, e, graciosamente, ela aceitou. Nós tivemos uma ótima noite", lembrou-se Prince, "Ela chegou, nós conversamos, festejamos, celebramos e dançamos. Ela ficou de pé por três horas ao lado do palco, estava animada e cantou como todos os outros".

"Eu não esperava que ela cantasse, eu não ia pedir que ela fizesse isso. Eu simplesmente sabia que ela estava ali e disse a todos sobre nossa relação, amizade, e como ela me encorajou ao longo dos anos conforme minha carreira avançava, e ela simplesmente subiu ao palco. Nós nos abraçamos e ela disse, ‘Me dê o microfone'. Então eu dei o microfone a ela e ela começou a cantar e eu cantei com ela".

E o dueto de Price e Houston de Yes, Jesus Loves Me, acabou se tornando a última apresentação da falecida cantora.

Price disse que cantar com Houston foi uma "honra" e que ela sempre irá "olhar por ela", e também confessou que rezou para que a notícia sobre a morte da amiga fosse apenas mais uma brincadeira da internet quando ela ficou sabendo no sábado.

"Perceber que não era, eu não sei nem como explicar isso".

A cantora R&B estava na suíte do Grammy quando seu empresário a chamou e disse que eles precisavam ir, antes de levá-la para o carro onde ela recebeu a trágica notícia.

"Era para nós nos encontrarmos na festa de Clive Davis na noite de ontem", contou Price, acrescentando que Houston gostaria que o Grammy da noite de ontem fosse uma "celebração sobre a música".





LEIA MAIS: As melhores frases do tapete vermelho do Grammy