Justin Bieber confessa, "Minha mãe nunca me deixou acreditar em Papai Noel"

E! News | Faz 47 anos

 

Mark Ashman/Disney Parks



Faltando poucos dias para o Natal podemos dizer que Justin Bieber não vai para a cama cedo para esperar a chegada do Papai Noel porque na verdade o ídolo adolescente nunca acreditou no velho barbudo.

"Minha mãe sempre me disse que não existia Papai Noel. Ela pensou que, quando eu crescesse e descobrisse que ele era mentira, poderia ficar decepcionado. Também pensavam que quando me dissessem a verdade sobre Papai Noel, talvez não fosse mais nem acreditar em Deus", nos contou o ídolo teen.






Apesar do raciocínio incomum, Justin admira a decisão de sua mãe e admite que, durante sua infância, ele sempre manteve o espírito de Natal e nunca revelou nenhum de seus amigos a verdade sobre o bom velinho.

Ao invés de receber presentes, na manhã de 25 de dezembro, Bieber admitiu que sua família sempre optou por um jogo não muito tradicional para celebrar a data.

"Cada um de nós tínhamos que comprar um presente para uma menina e outro para um menino, depois jogávamos o dado para determinar de quem era a vez de escolher o primeiro presente. Em seguida, na segunda rodada poderíamos escolher se ficávamos com o nosso presente ou trocamos com alguém. Um ano eu realmente queria um Game Boy e acabei ficando com um conjunto de panelas que minha mãe ganhou", disse o jovem a Us Weekly.

Este ano Justin vai passar o Natal no Canadá, onde o primeiro jantar é com a família de sua mãe e depois irá para casa da família de seu pai para jogar e ficar com seu irmão mais novo.

Sobre seus desejos para esta época especial do ano, o cantor revelou que não tem uma lista específica de coisas que ele quer.

"Eu quero ser feliz e que todos na minha família sejam saudáveis. Espero também que todos tenham a oportunidade de ouvir o meu álbum de Natal e que eles gostem".