Justin Bieber assina contrato de bom comportamento

E! News | Faz 3 anos

 
Justin Bieber

Splash News



Cantor foi obrigado






Depois de várias polêmicas e um comportamento nada exemplar em sua passagem pela América do Sul, Justin Bieber foi forçado a se comportar em sua última viagem, mesmo não ligando para que os outros pensem.

Justin Bieber é eleito um dos menos influentes de 2013

De acordo com o jornal Daily Star, o cantor foi obrigado a assinar um "contrato de bom comportamento" para poder se hospedar no hotel Langham na Nova Zelândia. Bieber foi proibido de levar garotas à sua suíte, que custa cerca de R$ 4 mil a diária, e também não pode se misturar aos outros hospedes, para evitar qualquer controvérsia.

Leve o E! Online Brasil no bolso! Baixe o aplicativo do E! na Apple Store, Google Play ou Blackberry App World

"Justin seria colocado para fora se não seguisse as regras. Eles não ligam para quem ele é. O empresário precisou assinar o contrato, que incluía uma longa lista de demandas, o proibindo de festejar e perturbar os outros hóspedes", disse uma fonte ao jornal.

Ainda segundo a fonte, a chegada de Justin ao local era "temida" pelos funcionários do hotel, justamente por causa do comportamento do cantor no Brasil há algumas semanas.

Siga o E! Online Brasil no Twitter

"Não havia muitos outros hotéis que ele poderia ficar com as mesmas opções de segurança. Então ele realmente precisou assinar o contrato. É um local muito respeitado e a chegada de Justin era temida por alguns", continuou a fonte.

Pelo menos correu tudo bem...