JK Rowling admite que Harry Potter e Hermione deveriam ser um casal

E! News | Faz 3 anos

 
Harry Potter and the Deathly Hallows Part 2, Daniel Radcliffe, Emma Watson, Rupert Grint

Courtesy of Warner Bros. Pictures




Autora se arrepende de não ter mudado a trama




JK Rowling

AP Photo/ Louis Lanzano



J. K. Rowling, a criadora de Harry Potter, fez uma inusitada confissão em uma entrevista à revista Wonderland Magazine dizendo que se arrependeu de juntar o casal Hermione (Emma Watson) e Rony (Rupert Grint) no final da série de livros, que vai virar peça de teatro. Rowling preferia que a heroína tivesse ficado com o bruxo Harry, papel de Daniel Radcliffe.

Daniel Radcliffe insinua continuação de Harry Potter!

"Eu escrevi a relação Hermione/Rony como forma de realização de um desejo. Foi assim que foi concebida, de verdade. Por razões que pouco tem a ver com literatura e sim com o apego a trama como eu imaginei no começo, Hermione ficou com Rony", disse a autora.

"Me desculpem. Eu posso ouvir a raiva e a fúria que isso pode causar em alguns fãs, mas estou sendo honesta, a distância me deu perspectiva sobre isso. Foi uma escolha que fiz por razões muito pessoais, e não por razões de credibilidade. Será que estou quebrando o coração das pessoas dizendo isso? Espero que não", continuou.

Autora de Harry Potter anuncia novo filme sobre universo do bruxo

Rowling também chegou a comentar que os personagens Rony e Hermione, que se casaram e tiveram dois filhos, passariam por terapias de casal no futuro. No livro, Harry Potter termina junto com a irmã mais nova de Rony, Gina Weasley.

A atriz Emma Watson, eleita a mais sexy do cinema, também deu uma entrevista dizendo que os fãs deviam se perguntar se Rony realmente conseguiria fazê-la feliz.

Eles podem não ser felizes juntos, mas que formam um belo casal, não tem como negar, né?



Harry Potter Rony Hermione GIF

Tumblr