Jennifer Aniston expulsou Brad Pitt de casa quando soube do caso com Angelina Jolie

E! News | Faz 5 anos

 
Bang!
Isso mesmo. Jennifer Aniston mandou Brad Pitt para fora de casa quando ele admitiu que estava apaixonado por outra, segundo fontes. A atriz começou a suspeitar sobre o relacionamento do então marido Brad e Angelina Jolie muito antes de se separarem, no ano de 2005. No começo, ele negava o envolvimento com Jolie, co-estrela de Mr. and Mrs. Smith. O produtor do filme, Arnon Milchan, afirma no novo livro Confidential: The Life Of Secret Agent Turned Hollywood Tycoon Arnon Milchan que, “No começo, Jen não acreditava que ele estava envolvido com Angelina. Ela começou a questionar as pessoas, mas ninguém a falava nada porque eles eram leais a Brad. Então, ela o pressionava e ele negava”. O casal foi em uma viagem planejada ao Caribe com os amigos Courteney Cox e o marido David Arquette para celebrar o Ano Novo em 2005, mas a pressão foi tão grande que Brad acabou confessando que ele estava in love por Angelina, diz Arnon. LEIA TAMBÉM: Jennifer Aniston e Justin Theroux prestigiam festa de aniversário no Havaí Ele disse, “Eventualmente ele disse que estava apaixonado por Jolie. Jen estava furiosa e expulsou-o de casa”. De acordo com Arnon, Brad só voltou para casa para pegar suas coisas após se mudar para a casa de seu produtor, onde ele chegava no set bem discreto para trabalhar. O livro diz, “Brad dirigia todo dia ao set, e para qualquer lugar, de moto e usava um capacete bem escuro para que ninguém o reconhecesse. Ele ficou comigo durante toda a gravação do filme”. Brad rompeu com Jennifer em janeiro de 2005 e começou a namorar com Angelina meses depois. Brad e Angie ainda estão juntos e já têm seis filhos, Maddox, 9, Pax, 7, Zahara, 6, Shiloh, 5, e os gêmeos Knox e Vivienne, 3.