James Cameron perdeu para Steven Spielberg

E! News | Faz 5 anos

 

Courtesy of Mark Thiessen/National Geographic



Diretores disputavam pelo direito autoral de Jurassic Park




AP Photo/Dan Steinberg; Universal Pictures



James Cameron, o diretor do filme Titanic, disse em entrevista que brigou para ter os direitos autorais de Jurassic Park, que praticamente consagrou Steven Spielberg como um dos diretores de cinema mais importantes do mundo.

Cameron, que já fez filmes renomados, como Avatar, Rambo e Aliens, também é prestigiado no mundo dos diretores, mas mesmo assim, hoje James reconhece que Steven foi a melhor escolha. Ele afirmou que Steven foi a pessoa certa para trazer Jurassic Park às telonas.

"Eu tentei comprar os direitos autorais do livro de Michael Crichton sobre os dinossauros, e ele (Spielberg) me venceu por algumas horas. Mas quando eu vi o filme, eu percebi que eu não era a pessoa certa para fazê-lo, ele era. Porque ele fez um filme de dinossauros para crianças e no meu, eu teria misturado alienígenas com dinossauros, e isso não seria justo", explicou Cameron ao Huffington Post.

James insiste que a sua versão de Jurassic Park teria sido muito mais desagradável que a de Spielberg, que estrelou Samuel L. Jackson, Sam Neill e Jeff Goldblum. "Os dinossauros são para crianças de oito anos de idade. Todos nós podemos apreciá-los também, mas as crianças gostam de dinossauros e elas não deveriam ser excluídas. Sua sensibilidade era certa para esse filme, eu teria feito algo muito longe disso, mais desagradável, muito mais desagradável".

Jurassic Park estreou nos cinemas em 1993 e foi um fenômeno de bilheteria, contando a história de um bilionário e uma equipe de cientistas que criaram um parque de diversão com dinossauros clonados.

Os efeitos especiais do longa foi um marco na época.