“Glee: The 3D Concert Movie”, sucesso ou fiasco?

E! News | Faz 5 anos

 
Adam Rose/Twentieth Century
Assim como Hannah Montana, Glee é uma série de TV de sucesso. Ambos são poderosos da indústria musical. E ambos têm shows em grandes arenas. E, é ai que acabam as comparações. Ninguém está esperando que a estréia de Glee: The 3D Concert Movie, que acontece sexta-feira, gere tanto lucro como a estréia de Hannah Montana/Miley Cyrus: Best of Both Worlds Concert Tour, o filme que foi um sucesso de público. “Talvez se o filme tivesse sido feito após a primeira temporada, quando Glee estava apenas começando, e as pessoas estavam muito, mas muito, empolgadas” disse o analista de bilheteria Jeff Bock. Mas já que só foi feito agora, e estreará junto com a dura concorrência de O Planeta dos Macacos: A Origem e A Resposta, os produtores não estão esperando muita coisa. “Rodo mundo ficará surpreso se o filme lucrar mais de US$12 milhões”, disse Bock, que conta com cerca de US$8 milhões para o final de semana se estréia. “Ele mal vai se firmar entre os cinco primeiros” Não ser a Hannah Montana, entretanto, não é o mesmo que ser um fiasco. Filmes sobre shows, afinal, tem um custo de produção menor para saldar. O filme de Justin Bieber, por exemplo, foi feito co US$13 milhões, e o filme de Glee saiu até mais barato, foi feito com US$9 milhões. SAIBA MAIS: O tapete vermelho da pré-estréia de Glee: The 3D Concert Movie. “Essa é uma estratégia de marketing para a série”, completou Bock, “Se o filme fizer US$20 milhões no total, será ótimo”. Para uma noção básica do futuro do filme, uma lista com os cinco maiores filmes de concerto: 1. Hannah Montana/Miley Cyrus: Best of Both Worlds Concert Tour (2008), US$31,1 milhões 2. Justin Bieber: Never Say Never (2011), US$29,5 milhões 3. Michael Jackson: This Is It (2009), US$23,2 milhões 4. Jonas Brothers: The 3D Concert Experience (2009), US$12,5 milhões 5. U2: Rattle and Hum (1988), US$3,8 milhões