Gastando mais de U$1 milhão, Beyoncé realmente comandou o hospital para poder dar à luz?!

E! News | Faz 2019 anos

 

STAN HONDA/AFP/Getty Images




Será que Beyoncé e Jay-Z realmente tinham guarda-costas espalhados pelo hospital, até colocando ordem nos outros pacientes enquanto ela estava dando à luz a Ivy Blue?

O que sabemos é que Sr. Jay gastou mais de U$ 1 milhão alugando suítes a prova bala e um esquadrão de seguranças, tudo isso para proteger a filha Blue Ivy no hospital.

Mas, será ético um hospital dar este tratamento tão especial às celebridades?

Primeiro, os fatos.






De acordo com as manchetes, Beyoncé deu à luz em uma ala do hospital Lenox Hill em Nova York só para ela. Sr. e Sra. Carter restringiu a circulação de outros parentes e pacientes durante a internação. Um pai, que estava no hospital para dar as boas vindas a sua própria filha, contou ao The New York Post que ele "tentou quatro vezes" visitar seu bebê na UTI pediátrica, mas foi barrado pelos seguranças por causa das "urgências" não identificadas que Beyoncé necessitava no momento.

O hospital negou diversos relatos de atendimento especial. Através de um comunicado, o porta-voz do local disse que o casal famoso foi cobrado "o valor padrão das acomodações alugadas".  

"Nossas suítes executivas estão disponíveis para qualquer paciente, incluindo o serviço de comida e atendimento que foi feito com a família Carter".

O porta-voz não quis comentar com o E! sobre o valor da suíte alugada por Beyoncé, mas afirmou que o preço do quarto é compatível com outros quartos de luxos de outras maternidades.

Comparando com o famoso hospital das celebridades em Los Angeles, o Cedars-Sinai Medical Center, que possui uma suíte deluxe por quase U$ 4 mil à noite, o preço do quarto da cantora deve ser nesta faixa.

O que o casal tinha com certeza é sua própria segurança, mas o porta-voz de Lenox Hill afirmou, "O hospital está e permanece em controle da administração da segurança do local. Fizemos todos os esforços para afetar o mínimo possível as outras famílias da maternidade e seus filhos durante os três dias que Beyoncé ficou internada".

Outro relato do hospital: Se qualquer outra família foi interferida pelos seguranças de Jay-Z, eles ficarão sabendo.

"Enquanto parabenizamos a família Carter pelo nascimento da primeira filha, nós prezamos a lealdade de TODOS os nossos pacientes e sempre lutamos para que cada um passe por uma experiência positiva. Nenhuma segurança feita por nós ou pelo time da família Carter impediu ou atrasou famílias que tinham acesso à UTI Pediátrica a visitarem seus familiares no local. Nenhuma família fez reclamações".

Se Beyoncé foi favorecida ou não, vamos ter que arquivar isso na nossa pasta de "mistérios médicos".