Fotos de Príncipe Harry: seguranças são culpados pelo vazamento

E! News | Faz 5 anos

 

Bauer-Griffin



Agentes são chamados de "amadores" por permitirem o flagra indiscreto






A essa altura vocês já devem ter visto as fotos de Príncipe Harry nu por toda internet, e por ser um membro da família real, o clique indiscreto não ficará impune.

A realeza já pediu para que as mídias britânicas não publicassem as fotos tiradas durante o final de semana do príncipe em Las Vegas, em um jogo de "strip-bilhar" em sua suíte de hotel, e, agora, é preciso encontrar o culpado por vendê-las ao TMZ.

Segundo uma fonte do Daily Mail, os agentes responsáveis por proteger Harry quando as fotos foram tiradas "agiram como amadores que dormiram no ponto".

Os relatos afirmam que os oficiais de proteção da Scotland Yard estavam "aproveitando a festa" quando as garotas chegaram à suíte do príncipe, e continuaram sentados e relaxados quando as fotos foram tiradas, e, segundo o TMZ, um deles teria dito apenas "aahhh, pare com isso... sem fotos" ao invés de, de fato, impedir a ação.





De acordo com especialistas que trabalham com a segurança de famosos – e até chegam a pedir que os visitantes entreguem seus celulares para evitar fotos indiscretas – a Rainha Elizabeth estaria furiosa com o funcionário que permitiu o flagra.

O ex-agente de proteção da realeza, Ken Wharfare, que trabalhou com a Princesa Diana, também se manifestou, dizendo que Harry já se envolveu em "episódios similares" e que mais poderia ter sido feito para evitar que as fotos fossem tiradas.

O príncipe retornou à sua casa na tarde de ontem, 22, e, segundo relatos terá uma reunião com a Rainha e com seu pai, o Príncipe Charles, para explicar como ele acabou pelado com garotas em uma festa em sua suíte, e alguns ainda afirmam que ele deve receber algum tipo de punição, mas não tão severa.

O ex-secretário de imprensa da Rainha, Dickie Arbiter, declarou que Harry é um "canhão descontrolado e não deveria ser deixado sozinho".