Fã de Nicki Minaj morre após show da cantora em Tóquio

E! News | Faz 5 anos

 

Kevin Winter/Getty Images



Uma dançarina que, de acordo com sua página do Facebook, já trabalhou em clipes com Jennifer Lopez, Chris Brown e Black Eyed Peas, e um adolescente não identificado foram presos em Tóquio após a morte de Nicola Furlong, 19, uma aluna de intercambio da Irlanda.

Mas como a cantora Nicki Minaj está ligada ao caso?






Nicola e uma amiga foram ao show da cantora na última quarta-feira, e o corpo da adolescente foi encontrado na manhã da quinta-feira em um quarto perto do Hotel Keio Plaza, disse a polícia local ao Japan Times.

"Estamos cientes das prisões destes dois cidadãos dos Estados Unidos no Japão e estamos fornecendo assistência consular", disse o porta-voz do Departamento de Estado dos EUA ao E! News, "Devido a considerações de privacidade, nós não podemos fornecer qualquer informação adicional e para questões sobre a investigação nós os encaminhamos para as autoridades japonesas".

A polícia afirmou que não havia evidências de abuso sexual, mas que marcas no pescoço indicam que Furlong foi estrangulada.

Os relatos ainda indicam que James Jamari Blackston, a dançarina, e o adolescente, que foi identificado como músico, estavam na suíte do hotel em que Furlong foi encontrada inconsciente por volta das 3h20.

Um funcionário do hotel foi até o quarto após receber reclamações de barulho e, de acordo com as autoridades, encontrou o adolescente e Furlong enquanto Blackston estava na suíte vizinha com amigos da vítima.

O Japan Times alega que o adolescente está sendo acusado de ter abusado sexualmente de uma amiga mais velha de Furlong, que ainda não foi identificada, e está sendo interrogado sobre a morte de Nicola.

Furlong, uma estudante da Dublin City University, estava participando de um programa de intercambio com a Takasaki City University of Economics, e estava prevista para voltar para casa em julho.