EXCLUSIVO: Joel McHale, Victoria Justice e outros artistas marcam presença na pré-estreia de Bully

E! News, Tapete Vermelho, | Faz 5 anos

 

E! Networks



Quase sempre imerso em um humor pastelão, o comediante Joel McHale adotou um tom mais sério enquanto conversava com Giuliana Rancic e Jason Kennedy do E! no tapete vermelho da pré-estreia do documentário Bully, em Hollywood. Surpreendentemente, o apresentador do nosso programa The Soup também declarou também ter sido vítima de bullying.

"Sofri bullying, mas cresci repentinamente na sétima série e os caras que costumavam me atacar acabaram parando. Meus irmãos e eu éramos habituados a nos esconder em casa, porque tinham umas crianças malvadas no bairro que nos empurravam e corriam atrás da gente", declara McHale.

 










Victoria Justice estava mais que feliz em demonstrar apoio ao filme e sua poderosa mensagem. A estrela de Victorious, da Nickelodeon, contou a Rancic e Kennedy como se sentiu ao ver o filme: "Eu estava tão emocionada e comovida, só queria dar a todas as crianças um enorme abraço, porque eles não deveriam ter que passar por isso! A escola deve ser um ambiente seguro, onde você possa confiar nos professores e seja tratado de forma justa".









Jennifer Hall da série Up All Night não é nenhuma alheia quando se trata de tentar se encaixar, enquanto criança, e este assunto a emociona: "Minha mãe trabalhava na Força Aérea, então eu me mudava a cada três anos. Era sempre a garota nova tentando descobrir quem ia ser meu amigo, e quem não seria meu amigo. É realmente difícil se encaixar, é difícil encontrar onde você pertence, este é um tema que realmente aperta meu coração".









O cineasta Lee Hirsch espera que o documentário tenha um efeito duradouro no público e, possivelmente, os inspire a fazer a diferença. "Vemos em todos o potencial de tomar uma decisão depois de ver este filme, para cuidar de alguém que está sendo intimidado. Você não tem que mudar o mundo para parar o bullying, você só tem que dar esses passos pequenos".