Demi Lovato assinou contrato de não-suicídio aos 7 anos

E! News | Faz 3 anos

 
Demi Lovato

Beretta/Sims/REX/Startraksphoto.com



Estrela estreou na TV em Barney e Seus Amigos






Os problemas de Demi Lovato só vieram à tona quando ela se internou na rehab, em novembro de 2010. Mas, em entrevista à revista Rolling Stone, a estrela contou que seus problemas começaram a aparecer bem antes, e que ela luta contra a depressão desde os sete anos de idade, quando estreou na série infantil Barney e Seus Amigos.

Siga o E! Online Brasil no Twitter

"O diretor chamou meus pais e me fez assinar um contrato de não suicídio, dizendo que eu não mataria. Eles não estavam esperando isso tão cedo", declarou a cantora.

LEIA MAIS: Fã agradece Demi Lovato por inspirar sua recuperação

Durante a entrevista, Demi também revelou que após seu período na rehab, em que ela se internou voluntariamente, a família lhe deu duas opções.

"Meus pais disseram: ‘Você tem duas opções. Nós podemos deixar isso quieto e não falar sobre isso, ou você pode contar às pessoas o que está acontecendo'. Não houve hesitação. Eu abri aquela porta", continuou.

Leve o E! Online Brasil no bolso! Baixe o aplicativo do E! na Apple Store, Google Play ou Blackberry App World

Desde então, Demi tem se mostrado muito melhor e recuperada, e explicou que estar sóbria e bem após o tratamento "não é tão assustador" quando ela pensou que seria.