A trajetória de Steve Jobs, o gênio da Apple

E! News | Faz 5 años

 
Justin Sullivan/Getty Images
O guru da Apple e da Pixar, Steve Jobs, morreu ontem, 5, aos 56 anos por causa de um câncer no pâncreas, que ele lutava contra desde 2004. Jobs deixou seu cargo de CEO da Apple em agosto deste ano, anunciando que “não poderia mais realizar suas funções a atender às (suas) expectativas”, já que o câncer tinha deixado-o debilitado durante os sete anos que passaram. “A Apple perdeu um visionário e um gênio criativo, e o mundo perdeu um ser humano incrível”, diz o comunicado no site da companhia, “Aqueles de nós que tivemos a sorte de conhecê-lo e de trabalhar com Steve perdemos um amigo querido e um mentor que nos inspirava. Steve deixou para trás uma companhia que apenas ele poderia ter construído, e seu espírito será sempre a base da Apple”. Ele trouxe uma série de inovações tecnológicas para o mundo. Através do Macintosh, Jobs introduziu o mundo ao mouse, com o iPod, ele deu à revolução musical sua recompensa, com o iTunes, ele deu ao mundo da música uma base de salvação, com o iPhone e iPad, ele permitiu que o mundo se conectasse de qualquer lugar e tivesse acesso ao que precisasse. Ele acreditou na Pixar antes mesmo dela ser a Pixar, e se tornar o bilionário estúdio de animação que é hoje em dia e mudar o jogo dos filmes animados, que dominam o Oscar na categoria, como é o caso de Toy Story. E quando a Walt Disney comprou a Pixar em 2006, Jobs se tornou o maior acionista da Disney. SAIBA MAIS: Dr. Conrad Murray faz grande encomenda de propofol antes da morte de Michael Jackson A vida de Jobs também já virou filme de TV, o Piratas do Vale do Silício, em que ele foi interpretado por Noah Wyle. Há alguns anos ele namorou a cantora Joan Beaz, e em 1991 se casou com Laurenre Jobs, com quem tem três filhos. Jobs também tem um quarto filho de um relacionamento anterior. “Nós estamos profundamente tristes de anunciar que Steve Jobs morreu no dia de hoje”, diz um comunicado do Conselho Administrativo da Apple, “Seu brilho, paixão e energia foram a fonte de incontáveis inovações que enriqueceram e melhoraram as nossas vidas. O mundo é muito melhor graças a Steve. Seu maior amor foi por sua mulher e sua família. Nossos corações estão com ele e com todos que foram tocados por suas inovações”.