Chris Lighty, magnata do hip-hop, é encontrado morto aos 44 anos

E! News | Faz 5 anos

 

Seth Browarnik/startraksphoto.com



Causa da morte pode ser sido suicídio






É um momento triste para o hip-hop.

Chris Lighty, que agenciava estrelas como Mariah Carey, 50 Cent e Missy Elliot, morreu ontem, 30, aos 44 anos.

A polícia de Nova York confirmou ao E! News que Lighty (também conhecido como Darrell) foi encontrado às 11h30 em seu apartamento no Bronx com uma marca de tiro em sua cabeça. A polícia está investigando e a suspeita é que ele tenha se suicidado, já que não há indícios de roubo ou arrombamento.

Nenhuma informação adicional foi divulgada.

Em um post final em seu blog, publicado em 23 de agosto, Lighty falava sobre sua frustração com o hip-hop e "os rumores e histórias ridículas" envolvendo seus clientes.

A notícia imediatamente causou reações no mundo da música.

"Descanse em paz Chris Lighty, minhas orações vai para sua família e pessoas queridas! Deus por favor tenha misericórdia", escreveu Rihanna.

"Estou devastado neste momento. Não posso acreditar que meu grande irmão Chris Lighty se foi... Ele era um pioneiro, um mentor e um grande amigo", disse Nick Cannon.

"Descanse em Paz Chris Lighty, que sempre teve a melhor energia todas as vezes que o encontrei. sua falta será sentida", escreveu Ludacris.