Charlie Sheen recebe empréstimo de U$10 milhões da Warner Bros.

E! News | Faz 5 anos

 
BANG!
Calma aí? Será que escutamos certo: Charlie Sheen pegou emprestado uns trocadinhos, tipo uns 10 milhões de dólares, na mão da Warner Brothers durante a sua temporada final em Two and a Half Men? Tudo indica que sim. A polêmica estrela, que foi demitido do programa no final do ano passado após uma série de escândalos incluindo as brigas com o criador da série, Chuck Lorre, supostamente recebeu um empréstimo dos donos do programa em maio de 2010, sob a condição de que pagaria o valor completo de U$10 milhões durante os primeiros 13 episódios da próxima temporada. De acordo com o site da TMZ, o ator, de 47 anos, recebia em torno de U$2 milhões por show e estavam abatendo uma quantia de U$769,230.77 dos 13 primeiros contra-cheques da temporada, incluindo um valor de juros que foi descontado do 14° pagamento. Como Charlie foi demitido após o 16° episódio, entende-se que ele pagou de volta tudo que pegou emprestado dos estúdios da Warner Brothers. Na semana passada, Ashton Kutcher foi anunciado o grande ator que irá substituir Charlie Sheen na série de Two and a Half Men. O maridão de Demi Moore vai receber um novo personagem e, apesar de Charlie inicialmente ter criticado o elenco, ele já parabenizou Ahston pelo novo papel. Ele escreveu na sua página do Twitter, “Vencendo (Winning) parabeniza o elenco e a quipe, CBS & WB! Boa sorte para @aplusk (Twitter de Ashton Kutcher)!! O show deve continuar. Vocês têm o garoto certo!” Ashton respondeu, “2.5 @charliesheen Obrigado cara. Sempre fui um fã, sempre serei. Por sinal, você nasceu gigante”.