Charlie Sheen fala sobre o terrível fim de seu personagem em “Two and a Half Men”

E! News | Faz 5 años

 
Sem ressentimentos com o final de Charlie Sheen. A antiga estrela de Two and a Half Men, passou por cima do choque, da dor e da negação e aceitou totalmente o fato de que Charlie Harper, o personagem que interpretou por oito temporadas, está prestes a morrer no seriado. “Escute, eu entendi, e eu meio que já sabia que eles fariam algo do tipo”, contou Sheen ao E! News enquanto gravava um vídeo para promover sua nova série Comedy Central, que não tão coincidentemente estreará junto com a nona temporada de Two and a Half Men, “Isso os libera para a próxima etapa da série. Eu posso dizer ‘Ok, é isso então, eles me mataram com um trem, essa é a separação’”. Você leu a parte do trem, certo? Enquanto o co-criador de Two and a Half Men, Chuck Lorre, e as estrelas da série, que agora incluem Ashton Kutcher, não admitiram que Charlie fosse morrer em um acidente, a notícia é que ele irá virar picadinho no metrô de Paris. “Sim, a conversa sobre o acidente no metrô continua”, ele nos conta, “Escutem, estou honrado, você leu o que eu falei sobre isso? Eu disse que estava feliz por ter acabado com um fim tão grandioso, que precise ser algo tão grande e violento para acabar com o meu personagem. Qualquer coisa menor seria um insulto!”. Sheen não tem nada além de cortesias com o seu substituto, “Eu sou fã dele”, ele disse de Ashton Kutcher, que interpretará um bilionário de coração partido que compra a casa de Charlie e deixa que Alan e Jake continuem vivendo lá. SAIBA MAIS: Conheça o trailer de Ashton Kutcher em "Two and a Half Men". “Ele é super talentoso, tem cara de estrela de cinema e é um ótimo pai. Estou torcendo por ele. Ele é a escolha certa para o ator principal – e se ele estragar tudo, não é minha culpa!”. Quem quer apostar que Chuck Lorre vai culpá-lo do mesmo jeito se isso acontecer?