Charlie Sheen está disposto a pagar aos funcionários de Two and a Half Men, enquanto se recupera

E! News | Faz 6 anos

 
Greg Gayne/Warner Bros
Parece que uma vez na vida Charlie Sheen está tentando fazer a coisa certa... Aparentemente, a estrela (que acreditamos estar em reabilitação) se ofereceu para pagar um terço dos salários dos empregados de Two and a Half Men se a Warner Bros e a CBS aceitarem a arcar com o resto. Como já informamos com exclusividade, os homens que trabalham na série estão furiosos com Charlie porque seu estilo de vida forçou a suspensão das filmagens e eles não recebem enquanto o ator não se “recupere”. De acordo com o site EW, nenhuma decisão foi tomada ainda... mas não acreditamos muito nisso. Todos querem que Charlie Sheen volte a trabalhar antes do fim do mês e parece que por isso ainda não se contemplou uma solução alternativa. Se o ator conseguir voltar nessa data, estará a tempo de terminar quase todos os episódios pendentes. Mas o que acontece se Sheen sair da linha de novo?? Não é a primeira vez que a popular série tem que ser interrompida, então a atitude da estrela é uma falta de respeito com os trabalhadores que se apresentam no set e não passam a noite na farra com estrelas pornôs. É bom saber que Charlie Sheen não acha que deixar de pagar os técnicos seja “irrelevante”. Ele poderia oferecer mais que um terço, mas de qualquer maneira é um gesto generoso de usa parte com os companheiros. Agora resta a CBS dar as caras. Deveriam se manifestar, pois ninguém melhor que eles sabia quem haviam escolhido como protagonista. É hora de pagar pelos privilégios que concederam a sua estrela, em vez de fazer com que os outros funcionários, que têm um salário menor, sofram as conseqüências. Se pagam a Sheen (que tem o maior salário da televisão), deveriam dividir essa bonança com o resto da equipe, enquanto sua galinha dos ovos de ouro não se recupera.