Bruno Mars faz hora extra de serviço comunitário e surpreende o juiz

E! News | Faz 48 anos

 

Angela Weiss/WireImage



Bruno Mars foi sentenciado a 200 horas de trabalho comunitário após ter sido condenado por posse de cocaína.

Agora o cantor, um dos queridinhos do momento, cumpriu sua pena e se livrou deste grande peso pelo resto de sua vida.

Como conseguiu?






Parece que o trabalho extra rendeu frutos. Bruno fez 230 horas de serviço comunitário em organizações de caridade voltadas às crianças e em outras fundações de saúde, 30 a mais do que a justiça havia sentenciado e o juiz resolveu acabar com este pesadelo da vida do cantor e encerrar o julgamento.

"Bruno ganhou a causa. Superou as expectativas da corte com seu trabalho na comunidade", disse o advogado do músico Richard Schonfeld.

Em setembro de 2010, Mars foi preso em flagrante enquanto cheirava cocaína no hotel Hard Rock & Casino em Las Vegas.

Ele está chegando ao Brasil para se apresentar no Summer Soul Festival a partir da próxima semana!



Las Vegas Police Dept.