Angelina Jolie conta um pouco mais sobre a vida dos 6 filhos

E! News | Faz 7 anos

 
Bem na época do natal, Angelina Jolie presenteia os fãs com um super presente: mais detalhes da vida íntima com Brad Pitt e os seus 6 filhos. A atriz e filântropa contou à revista Vogue sobre os detalhes mais engraçados dos filhos, como o caso que uma vez que Shiloh a perguntou se poderia ter um animal de estimação morto. “Shiloh encontrou um pássaro morto, e assim que o viu, me perguntou, 'Posso ter um bichinho morto?' e eu respondi, 'Eu não acho que é saudável, meu amor. Acho que temos que colocá-lo em uma caixa'". Angelina admitiu que, "tive que dar a ele o que queria, então assim que sair de casa, procurei um pássaro dissecado e dei para ele".  Quando a ganhadora do Oscar não está lidando com animais mortos ou vivos (eles têm um Bulldog na residência da França chamado Jacques), ela lida com a cozinha, tentando cozinhar. Porém, grande parte do tempo, ela deixa isso nas mãos de Pax, e admite, "ele é melhor cozinheiro que eu, ele adora cozinhar!". Quando ela tem tempo, ela é ajudada pelos filhos, especialmente por Maddox, de 9 anos. “Ele é um rapaz grandinho que sempre me apoia, eu acho que ele cresceu um pouco como eu. Hoje, por exemplo, fiz o café da manha e ele me disse, 'Obrigado mãe, bom trabalho'". Assim são os filhos, melhores que muitos pais. ´ No entanto, não só cozinham. Eles também estudam em uma escola internacional chamada Lycée Français, assim, em qualquer lugar que vão, "podem continuar estudando porque o programa é o mesmo em todas as escolas". Na entrevista Angelina admite que os seus filhos maiores também falam em suas línguas natais. Pax , por exemplo, conversa com sua avó biólogica que é vietnamita, enquanto a avó de Maddox é de Camboja. “Ainda não conseguimos falar em amárico", disse Jolie sobre o idioma da Etiópia, país de origem de Zahara, "mas em alguns dias vamos conseguir".  Mesma que a família Jolie-Pitt não fique muito tempo em um mesmo lugar, Angelina percebe uma certa normalidade em seu futuro, "Com sorte os meus filhos irão cursar o ensino médio em Aix-en-Provence, França. Me parece um lugar incrível para viver a adolescência".