Amigo de Cory Monteith fala sobre batalha do ator contra as drogas

E! News | Faz 3 anos

 
Cory Monteith

PacificCoastNews.com



E ressalta as qualidades do astro de Glee






O ator Cory Monteith foi encontrado morto no último sábado, 13, em um quarto de hotel onde estava hospedado em Vancouver, Canadá.

Siga o E! Online Brasil no Twitter

E enquanto lamentam a triste notícia, os amigos do astro de Glee ressaltam que além de ator e cantor talentoso, Cory também era muito gentil e altruísta.

Em entrevista ao E! News, o amigo do ator, Brook Lander Shurtz, contou, entre outras coisas, como Cory fez tudo que podia para realizar o sonho de uma fã que estava doente em estado terminal.

"A coisa mais importante nesse momento trágico é que as pessoas entendam e percebam Cory como pessoa. E para mim Cory era gentil, altruísta e genuinamente generoso. Um exemplo é o dessa garotinha de Connecticut que entrou em contato com ele, e estava muito doente. E tudo que ela queria era ser parte do set de Glee", contou Shurtz.

LEIA MAIS:

Cory Monteith é encontrado morto aos 31 anos

Morte de Cory Monteith: caso é prioridade para polícia

Famosos se pronunciam sobre a morte de Cory Monteith

O ator a convidou para o set em Los Angeles, mas, devido à doença, ela não pode viajar. Porém Cory aproveitou uma viagem à costa leste para visita-la e ajudar a realizar tal sonho, contou o amigo.



Cory Monteith

Courtesy of Brook Lander Shurtz




Na época, Monteith contou ao E! News sobre seu encontro com a garotinha. "Fazer alguém em uma situação tão ruim como essa sorrir, há algo mais importante do que isso? A habilidade de poder fazer isso é incrível, eu sou abençoado", disse ele.

Brook ainda explicou que esse tipo de atitude era algo normal para Cory. "Ele se dedicava muito às outras pessoas, ele se dedicava aos amigos, aos companheiros de elenco. Ele se dedicava aos menos favorecidos e aos que não tinham voz. E acho que isso é muito especial e é o que eu mais gostava nele", contou ele.

O amigo do ator o descreveu como um "cara muito humilde", dizendo que gostava de aproveitar todos os momentos da vida. "Sempre parecia que ele estava curtindo a vida. Ele amava snowboard, tocar bateria, jogar videogame. Ele amava carros. Ele era entusiasmado com a vida, viajado e inteligente".

Leve o E! Online Brasil no bolso! Baixe o aplicativo do E! na Apple Store, Google Play ou Blackberry App World

Sobre a luta do ator contra as drogas, Brooke contou: "Ele foi muito honesto com isso. Ele reconheceu seu passado e aceitou a responsabilidade. Mas acho que ele usou isso para ajudar os outros e mandar uma mensagem positiva de que ele veio de um certo lugar e conseguiu".

"Acho que Cory tem uma história inspiradora que vai sobreviver e vai continuar inspirando as pessoas que estão lutando e talvez não tenham uma direção. Acho que eles podem olhar para ele e dizer, ‘eu também consigo'", disse o amigo do ator.