America Ferrera revela que sofreu assédio sexual aos 9 anos

E! News | Faz 1 mes

 
America Ferrera, 2016 Emmy Awards, Arrivals

REX/Shutterstock




Mais um desabafo!






America Ferrera entrou para a lista de atrizes que já sofreram assédio sexual na vida. Depois das denúncias de atrizes renomadas contra Harvey Weinstein e do discurso de Reese Witherspoon, America revelou em suas redes sociais que seu primeiro assédio sexual aconteceu aos 9 anos. OMG!

AMERICA FERRERA REVELA QUE SERIA INCRÍVEL FAZER QUATRO AMIGAS E UM JEANS VIAJANTE 3

As mídias sociais foram invadidas pela hashtag #MeToo, um movimento para falar sobre os assédios sexuais sofridos pelas mulheres e que chegou ao mundo das celebridades. A partir disso, a atriz fez questão de falar sobre o seu caso. "Eu também. Primeira vez que eu lembro de ter sido agredida sexualmente, eu tinha 9 anos", revelou America no Twitter.

AS ATRIZES QUE ACUSARAM O PRODUTOR HARVEY WEINSTEIN DE ASSÉDIO

"Eu não disse a ninguém e vivi com a vergonha e a culpa, pensando o tempo todo se eu, uma criança de 9 anos, era responsável, de alguma forma, pelas ações de um homem adulto. Eu tive que ver esse homem diariamente pelos próximos anos. Ele sorria para mim e acenava, e eu fugia dele, meu sangue corria frio, minha coragem carregava o fardo do que eu e ele sabíamos".

AMERICA FERRERA REVELA QUE SERIA INCRÍVEL FAZER QUATRO AMIGAS E UM JEANS VIAJANTE 3

"Ele esperava que eu fechasse a minha boca e sorrisse de volta. Senhoras, vamos quebrar o silêncio e, então, a próxima geração de garotas não terá que viver com essa merda", encorajou a atriz. Além de America, outras estrelas internacionais também já falaram sobre as suas experiências, como Hilarie Burton, Lady Gaga, Sophia Bush, Anna Paquin, Debra Messing e várias outras.

AS ATRIZES QUE ACUSARAM O PRODUTOR HARVEY WEINSTEIN DE ASSÉDIO

Alyssa Milano iniciou o recente movimento #MeToo, que em português significa #EuTambém, no dia 15 de outubro. A estrela de Project Runway: All Stars disse para as pessoas que já sofreram assédio sexual responderem ao seu tweet e também escreveram #MeToo para demonstrar a magnitude do problema. No dia seguinte, o Twitter já havia registrado mais de meio milhão de vezes a hashtag em apenas 24 horas.





As celebridades na Marcha das Mulheres 2017

Amy Schumer, Madonna & Gloria Steinem