Adriana Barra apresenta sua coleção “Malia & Kalani”! Confira o bate-papo com a estilista!

E! News | Faz 5 anos

 
Vestido da coleção de alto verão de Adriana Barra (Divulgação)
O lançamento da nova coleção, Malia & Kalani, de Adriana Barra aconteceu na quinta-feira, 27 e outubro, na loja dos Jardins, em São Paulo. E nós falamos com exclusividade com a estilista! Com inspiração no Havaí e na cultura tiki da Polinésia, a coleção Malia & Kalani é super floral e toda pintada à mão. O que predomina são os vestidos longos e leves, com estampas florais e com um toque especial de animal print. Um mix que nós adoramos! Entre as estampas, nós também encontramos long boards e mulheres havaianas. Tudo bem leve, bem verão. A grande novidade da coleção de alto verão são as camisetas de algodão que, assim como todas as peças, são pintadas à mão. Exclusividade hein! A coleção leva o nome de Malia, uma surfista havaiana que Adriana diz ser uma “referência como mulher”, e que namorou o premiado surfista Kalani Robb. “Eles ilustram assim, para mim, aquilo que a minha coleção é hoje”. Adriana é paranaense e veio para São Paulo estudar na faculdade Santa Marcelina. Sempre pensando em realçar a feminilidade e o glamour da mulher, ela cria peças customizadas de acordo com os desejos de cada mulher. Assista a um trechinho da entrevista a seguir! E depois leia o nosso bate-papo com a estilista. Em que foi inspirada a nova coleção Malia & Kalani? “Ela tem um pouco desse ar de romance, de uma mulher que é super bacana e de um cara que tem espírito de praia, junto, lógico, porque eu acho que a gente sempre tem que reinventar as coisas, com a inspiração tiki de uma mulher dos anos 50”. E as estampas? “A gente ilustra com as pranchas de surf, os long boards. E tem os florais, claro, Adriana Barra tem que fazer florais. Eu quis fazer dois florais clássicos havaianos (que você vai olhar e achar que está vendo um floral de vestido vintage tiki) e tem as havaianas também”. Qual a peça chave dessa coleção?
Peça chave da coleção "Malia & Kalani" de Adriana Barra
Inspirada por esse “life and style” surfista, a estilista escolheu o vestido vermelho (foto) como a peça chave de sua coleção.  “Para mim foi um desafio chegar nesse vestido, porque eu queria que fosse uma modelagem só, sem recortes. Eu queria que ela tivesse dois recortes só. Eu olhava as referências as mulheres que usam um ombro só e tudo que você coloca um recorte (no busto), ele não faz o reto absoluto. Ele tem cinco, seis jeitos de amarras diferentes, e eu nem imaginei isso. Dá até para fazer manga nele”. Teremos um verão muito colorido na moda esse ano, junto com uma tendência de “color blocking”, se você pudesse eleger a cor do verão 2012, qual seria!? “Nessa coleção eu consegui cores e coisas que eu não consegui em anos de estamparia, porque eu usei uma outra técnica de desenho, junto com uma ilustradora, que fez os aquarelados (...). Eu consegui nuances claras e degradês que eram muito inéditos pra mim, como cartela de cor. Então eu acho que não tem nada de color blocking aqui, porque eu trabalho às vezes com uma cartela de cor com mais 80 tons (...), eu procurei mais fazer uma coisa que fosse inédita pra mim como estamparia. Então, pra mim, a novidade foi conseguir uma coisa que não é o color blocking, é o contrário”. “Acho lindo color blocking, sempre achei, mas não é o que eu fiz. E talvez não seja o que eu vá fazer. E talvez eu faça um outro dia”. Quem são as famosas que vestem suas criações? “Hoje em dia uma pessoa que usa muito, que eu fico muito feliz de usar, que eu conheci uma vez e já usava a minha roupa, é a Andrea Dellal. Acho ela uma mulher incrível, uma mulher experiente, uma mulher que sabe o que é bom”. “Tem uma mulher que acho maravilhosa, que hoje em dia usa, que é Lília Cabral. Fernanda Lima, que desde o começo usa a marca. Mas eu não fico pensando em uma pessoa para usar uma roupa”. Se você pudesse escolher uma celebridade para vestir em um Red Carpet, quem seria?Charlize Theron. Depois (do Oscar) eu olho muito pro que ela tá fazendo e etc. Eu acho a Penélope Cruz linda também. Mas eu não tenho assim uma pessoa, juro não tenho”. Arrasou Adriana, adoramos a coleção!