A Warner Bros. pode atrasar a estreia de Gangster Squad após tiroteio em sessão de Batman

E! News | Faz 5 anos

 

youtube.com




Gangster Squad, o novo filme de Ryan Gosling, Emma Stone e Sean Penn pode acabar chegando aos cinemas depois do que estava previsto.

De acordo com os relatos, a Warner Bros., estúdio do filme, está considerando atrasar a estreia, que estava planejada para 7 de setembro, para distanciar o filme com cenas de tiroteios da tragédia ocorrida em uma sessão de Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge, no Colorado.






LEIA MAIS: Ryan Gosling seduz Emma Stone mais uma vez em Gangster Squad





Fontes garantem ao E! News que a decisão final ainda não foi tomada, mas que o estúdio – o mesmo por trás da trilogia dirigida por Christopher Nolan – pode anunciá-la ainda hoje.

O Entertainment Weekly relata que a cena de Gangster Squad em que gangsters saem de uma tela de cinema e começam a atirar na audiência com metralhadoras pode ser reeditada ou até mesmo cortada do filme.

O longa é baseado na perseguição real da polícia do mafioso Mickey Cohen (Sean Penn) em Los Angeles nos anos 40.

Após a tragédia do Colorado, a Warner Bros. retirou rapidamente o trailer de Gangster Squad das sessões de cinema exibidas em Aurora, Colorado.

De acordo com o Hollywood Reporter, o estúdio também planeja contribuir com uma quantidade "substancial" de dinheiro às instituições que estão cuidado das vítimas da tragédia, e um representante do estúdio confirma que eles estão em contato com o governo do Colorado para ajudar programas comunitários do Estado.