5 razões para não perder Demi Lovato e Britney Spears no The X Factor

E! News | Faz 5 anos

 

Ray Mickshaw / FOX




As novas juradas já estão deixando suas marcas






A audiência pode até ter preferido assistir ao The Voice quando a segunda temporada do The X Factor estreou, mas isso não quer dizer que Demi Lovato e Britney Spears tenham perdido a graça.

E apesar de muitos terem citado problemas vocais de ambas – inclusive um dos próprios competidores – muitos outros apoiam a presença das duas na mesa dos jurados, e elas têm total apoio de Simon Cowell, que andou até afirmando que a princesa do pop é melhor que Christina Aguilera.

E aqui estão cinco razões para assistir Demi e Brit no The X Factor:

1. Demi Lovato está cheia de amor para dar: Se não for pelo talento, é pela beleza. "Você é tão fofo!", disse ela para um menino de 13 anos, Reede Deming, que se parece com Justin Bieber. "Oh meu Deus, eu te amo! E eu amei o seu batom", disse ela para outra competidora. Entre muitos outros elogios...









2. Britney e sua cara de tédio: Embora isso possa ser um sinal de falta de senso de humor, nós amamos as caras e bocas (ou a falta delas) que a cantora faz quando não gosta do que viu. "Isso foi muito entediante", disse ela após a apresentação competidor. E nós achávamos que Cowell era durão.

3. Britney é poliglota: "Konnichiwa", respondeu ela quando Jason Brock disse que o Japão tinha mandado um "oi". E, quando o competidor terminou de se apresentar, Spears chamou a performance de "magnificento". Parece que alguém aprendeu várias culturas durante as turnês pelo mundo.









4. Demi é muito carinhosa: O que é bom, já que às vezes parece que Britney irá se defender com um spray de pimenta se alguém chegar muito perto. Quando Jillian Jensen, de 19 anos, falou sobre ter sofrido bullying, a cantora sorriu para ela e subiu ao palco para abraçá-la. "Eu superei isso, e eu sei que você também pode", disse Lovato.

5. Britney é uma grande estrela: Nós esperamos que o status de ícone de pop da cantora se manifeste mais do que quando Patrick Ford tentou apresentar Circus. Mas, em certo momento, um competidor arriscou cantar Stronger, e Brit aprovou balançando positivamente a cabeça.