“Crepúsculo” sem Robert Pattinson? Veja mais 5 filmes que quase ficaram sem seus astros…

E! News | Faz 5 anos

 
Kristen Stewart e Robert Pattinson em "Amanhecer" (Andrew Cooper, Summit Entertainment)
E se Robert Pattinson estivesse fora do álbum de fotos da saga Crepúsculo? E se  os testes para o personagem de Edward Cullen tivessem sido diferentes e o ator não tivesse conseguido o papel? Já imaginaram? Crepúsculo sem ele parece absurdo. Kristen Stewart que o diga... E aqui estão mais cinco filmes que se o “e se” tivesse acontecido seriam muito diferentes do que se tornaram... 1 Titanic... Com Tom Cruise? Quando o diretor James Cameron decidiu fazer o filme sobre o navio que afundou, seu estúdio queria um grande ator para o papel de Jack Dawson. De acordo com o livro Titanic and the Making of James Cameron, ter Cruise no papel quase se tornou uma realidade. 2 O Poderoso Chefão... com Robert Redford? Sim, Hollywood tem uma queda por grandes estrelas em grandes filmes, então não é nenhuma surpresa que o cineasta Francis Ford Coppola tenha pensado em um grande ator para o papel de Michael Corleone quando estava preparando seu filme em 1970. 3 Batman Begins... com Jake Gyllenhaal? O roteirista David Goyer descreveu a produção de Christopher Nolan como ”dividida” entre Christian Bale e o ator de Brokeback Mountain. E como o papel de Batman acabou ficando com Bale, Maggie Gyllenhaal, a irmã de Jake, acabou se dando bem e ficou com o papel da mocinha em O Cavaleiro das Trevas. 4 Toy Story... Com Billy Crystal? A Pixar e a Disney queriam tanto que o apresentador favorito do Oscar fosse a voz de Buzz Lightyear que até criaram um teste especial para que ele pudesse ver e ouvir como o boneco ficaria com sua voz. No final, Crystal acabou recusando, “O único arrependimento que tenho na minha carreira de algo que recusei”, disse ele depois. 5 Os Caçadores da Arca Perdida... Com Tom Selleck? Imaginem se o contrato de TV de Selleck tivesse permitido que ele participasse do filme? Harrison Ford jamais teria sido o lendário Indiana Jones.